MOVIMENTO SUL É O MEU PAÍS

28/10/2018

Você já imaginou como seria morar em um país mais pequeno que uma cidade? Alguns países são tão pequenos que quase precisamos de uma lupa para os encontrar no mapa!

Singapura

Área: 719 km2 População: 5,610 milhões Língua mais falada: inglês

Singapura é um pequeno território independente perto da Malásia. Apesar de pequeno, o país é um grande centro financeiro a nível mundial. A Singapura também está na lista dos países mais ricos do mundo em 2017.

E como Singapura existem outros micro países espalhados pelo mundo, Micronésia, Andorra, Santa Lúcia e como eles existem muitos outros com mais ou menos sucesso e ao pesquisar os com menos sucesso sempre descobrimos algo em comum, SOCIALISMO, DITADURA OU COMUNISMO, sempre tem alguma politica de exceção onde o povo se torna pobre e lhe são tiradas a liberdade.
Em contrapartida outros países pequenos optaram pelo capitalismo e com ele a prosperidade transformou a região, Singapura, Japão, Suiça, Coréia do Sul e tantos outros, e aqueles que por algum motivo iniciaram um processo de socialismo logo entendem que sem o capital é impossível fazer socialismo.

A ideia de quem defende o socialismo é defender os interesses dos mais pobres, interesses legítimos, afinal é a população que mais consome, gera riqueza e sustenta literalmente a economia de um país, porém logo que vemos o interesse de socialistas em socializar os bens alheios é por puro interesse. Sim, puro interesse… Pois para poder defender que os mais ricos devam socializar suas riquezas é preciso que estes dividam parte de seus ganhos com os mais pobres, mas como dividir esses valores?
Bem simples, entregue o dinheiro para um estado forte que este investirá em tudo que os mais pobres precisam, mas o que vemos é exatamente o contrário, o estado se agiganta consome todo o recurso seja ele com altos salários ou corrupção e a diferença entre pobres e ricos fica ainda mais distante.

Quando olhamos para países eficientes eles também tem algo em comum, são capitalistas, pouquíssima burocracia e de livre mercado. O que vemos nesses países é uma necessidade de transformar o povo em menos dependentes do estado, assim ele pode focar mais em coisas de interesse da nação focando em como tornar a nação mais competitiva, produtiva e financeiramente bem.

A burocracia é uma das causas da pobreza na maioria dos países de 3º mundo e abaixo, junto com a corrupção e impostos completam a tríade do inferno, por isso o movimento se pautou justamente no contrário a tudo isso estudando as iniciativas que transformaram países extremamente pobres em países extremamente ricos em poucos anos.

 

 

As lições de Singapura para tornar o Estado mais eficiente
Sobre a falácia da liberdade como um direito positivo

Comente(1)

  1. Reply
    comment Adriano goes da silva diz

    Se o sul se tornase independente nos tornariamos a maior potência econômica do planeta quero fazer parte dessa conquista

Postar um comentário

Faça login com: