Por: Alison Henrique Machado

 

Editora:  Academia Curitibana de Letras
Edição  1 (2018)
Formato  A5 (148×210)
Acabamento:  Brochura c/ orelha
Autor:  Alison Henrique Machado
Assuntos:  Literatura Curitibana ; História Curitibana ; Folclore   Curitibano ;
Plataforma de Autopublicação  Clube de Autores

 

Sinopse:

Com a denominação de CURITIBANOS eram conhecidos, até a virada do século XX, os habitantes dos Campos Gerais, dos Campos de Guarapuava e Palmas, e dos demais distritos de Curitiba. Também a correspondência oficial fazia distinção entre PAULISTAS e CURITIBANOS quando a Comarca de Curitiba era sul de São Paulo.

Também na província Sul-Riograndense havia distinção dos GAÚCHOS dos Pampas e dos CURITIBANOS que para suas regiões Serrana, Planáltica e Missioneira se dirigiram, levados pela faina do tropeirismo, onde fundaram pousos, invernadas, criatórios, freguesias, vilas e cidades, dando origem a histórias regionais e costumes semelhantes, como bem registrou a historiadora Roselys Vellozo Roderjan, onde são constantes uma relação de parentesco entre Curitiba, Paranaguá e estas comunidades campeiras formadas nos campos naturais de altitude do Brasil Meridional ― Campos Curitibanos.

Com esta obra, que é pioneira, a Academia Curitibana de Letras (ACL) abre a porteira para a invernada literária, preenchendo uma lacuna sedenta de identidade conservadora, com obras de autores diversos compactadas.

Esta invernada literária curitibana é uma exposição de poemas líricos, épico-líricos e em prosa; contos; romance; dramaturgia; prosas poéticas; contos populares; ensaios; críticas literárias; ensaios filosóficos; dicionário; e demais gêneros artísticos

 



Texto original Campos Curitibanos